quarta-feira, fevereiro 20, 2008

- to daddy

Hoje eu senti falta do meu pai, senti vontade de falar essas pequenas coisas que acontecem durante o dia, o que eu estou estudando, por que eu estou chateada, o que eu estou fazendo... Essas coisas que parecem ser sem nexo justo que eu não sou tão afetiva assim, mas fazem falta, principalmente quando é dos pais.
Falar com ele no telefone, parece que eu estou falando com um estranho, como se eu tivesse que "fazer amizade" com o meu próprio pai, e as coisas ficam mais dificéis quando ele tem um encosto ditando tudo o que ele tem que fazer, criando milhares de situações na cabeça dele, e nos afastando cada vez mais afinal quanto mais tempo e espaço ela tiver melhor, o problema é que ela não entende que só porque ela acha que um filho não precisa de um pai, eu não precise tambem, eu estou realmente cansada disso.
Ele não imagina o quanto eu queria que ele estivesse perto de mim, pra poder me ver todo dia, pra poder me acompanhar, eu sempre vou ter isso dentro de mim, não importa quem ou o que queira mudar, mas vai ter um dia que eu não vou poder te ver mais, e é uma coisa que eu não posso mudar.

2 comentários:

  1. nossa.. que postagem triste ='(
    tudo por culpa dakela coisa que ta morando com ele ¬¬"
    nuss eu jah teria dado um basta nisso.. sentaria e falaria com os dois juntos.. não importando se quisessem me escutar ou não..
    nuss mas eh a lei de causa e efeito.. tudo isso vai voltar pra ela e eu mal vejo a hr de acontecer
    bjs querida**

    ResponderExcluir
  2. não sou a pessoa mais indicada para te consolar, mas se precisar de ajuda, grite bem alto meu nome (Y)

    ResponderExcluir